Blog Legado

Posts recentes

A história do Grupo João Santos, como mencionada, serve como um alerta importante sobre os riscos da falta de planejamento sucessório em empresas familiares. Aqui estão alguns exemplos pelos quais a falta desse planejamento pode contribuir para a ruína de um grupo empresarial:

1- Desalinhamento de valores e visão: Sem um plano claro de sucessão, pode haver uma falta de alinhamento entre os valores e a visão do fundador ou líder atual e os futuros líderes da empresa. Isso pode resultar em uma mudança na direção estratégica da empresa que não está alinhada com os princípios fundamentais estabelecidos pelo fundador, levando a conflitos internos e confusão entre funcionários e stakeholders.

2- Instabilidade para investidores e parceiros: A falta de clareza sobre o futuro da empresa devido à ausência de um plano de sucessão pode afetar a confiança de investidores e parceiros comerciais. A incerteza sobre quem estará liderando a empresa e qual será sua estratégia pode levar a investimentos reduzidos, contratos cancelados ou relações comerciais prejudicadas, resultando em uma perda de apoio crucial para o crescimento e sustentabilidade da empresa.

3- Impacto na reputação da empresa: A falta de continuidade e estabilidade decorrente da falta de planejamento sucessório, remete a ausência de governança e pode prejudicar a reputação da empresa perante clientes, fornecedores e a comunidade em geral. Uma transição de liderança conturbada ou uma série de disputas internas podem manchar a imagem da empresa, afastando clientes e dificultando o recrutamento de talentos, o que por sua vez pode afetar negativamente o desempenho financeiro e a longevidade da empresa.

4- Vulnerabilidade a aquisições hostis: A instabilidade e fraquezas resultantes da falta de planejamento sucessório podem tornar a empresa mais vulnerável a aquisições hostis por parte de concorrentes ou investidores externos. Sem uma liderança forte e uma estratégia de longo prazo claramente definida, a empresa pode ser vista como uma presa fácil, levando à perda de controle e independência.
Em suma, o planejamento sucessório é crucial para a sobrevivência e sucesso contínuo das empresas familiares, ajudando a garantir uma transição suave de liderança, preservar a cultura organizacional e proteger o legado empresarial para as gerações futuras.

O Curso de Sucessão Empresarial e Patrimonial vai fornecer aos empresários e líderes empresariais o conhecimento e a orientação necessária para planejar e executar uma transição de liderança bem sucedida, garantindo a continuidade e o sucesso do negócio ao longo do tempo.

🚨 As vagas são limitadas, faça já sua matrícula! 🚀

Link para matrícula: https://legadoefamilia.com/curso/sucessao-empresarial-e-patrimonial/

Sobre nós
Fundado em 2019, o Legado e Família iniciou sua jornada como um portal de compartilhamento de experiências. Desde então, membros de empresas familiares e profissionais especializados nos temas desse universo podem compartilhar suas experiências nesse espaço por meio de artigos e postagens, colocando em pauta os principais assuntos que preocupam e influenciam as empresas familiares.​
Redes sociais
Newsletter Legado
Assine a nossa newsletter e receba o melhor conteúto de negócios

Lista de Espera

Curso: Conselheiras na Prática

Entraremos em contato quando abrirmos nova edição desse curso.

Lista de Espera

Curso: Governança Corporativa na Empresa Familiar

Entraremos em contato quando abrirmos nova edição desse curso.

Lista de Espera

Curso: Documentos Societários Importantes nas Empresas Familiares

Entraremos em contato quando abrirmos nova edição desse curso.

Lista de Espera

Curso: Desafios nas Empresas Familiares: como se preparar para o futuro?

Entraremos em contato quando abrirmos nova edição desse curso.

Lista de Espera

Curso: Governance Officer

Entraremos em contato quando abrirmos nova edição desse curso.